Preços do milho em abril e projeções de exportação

Preços do milho em abril e projeções de exportação

Com o avanço da colheita da primeira safra de milho e com a finalização do plantio do milho de segunda safra, as projeções de preços e exportações do cereal ficam cada vez mais atualizadas e tangíveis. No artigo de hoje, vamos falar sobre os preços do milho no mês de abril e acompanhar as projeções de exportações do cereal no Brasil e no mundo.

Cotações do milho no mercado interno

Como de praxe, fazemos a análise dos preços do milho para auxiliar o produtor em suas tomadas de decisão. Segundo o indicador ESALQ/B3, pelo quarto mês consecutivo, a saca do milho apresentou alta; desta vez, quase 3%, em relação à média mensal de fevereiro, alcançando a cotação de R$ 99,70. Em alguns dias do mês de março, a saca chegou a ser negociada acima dos R$ 100,00.

preços do milho indicador esalq/b3

Ao comparamos os preços de março com o mesmo período de 2021, é possível identificar uma valorização de 8,9%. A alta é explicada pela menor oferta global do cereal nesse ciclo.

Cotações do milho nas principais praças em abril

Os preços do milho no mercado físico das principais praças apresentaram variação negativa, chegando a 37,5% na cidade de Sorriso/MT.

Mercado futuro do milho: superávit na bolsa de Chicago e déficit na B3

Na bolsa de Chicago, os contratos futuros de milho apresentaram uma forte valorização, com aumentos de até 15,8%, como é o caso do contrato de julho/23.

preço futuro do milho na bolsa de chicago

Já nas cotações do pregão regular da B3, nota-se uma queda em todas as cotações, com o contrato de maio/22 tendo maior desvalorização, 15,3%, seguido de julho/22, com 10,3% de queda.

preço futuro do milho na bolsa b3

Exportações globais de milho em abril

A tensão geopolítica causada pelo conflito entre Rússia e Ucrânia tem impactado o mundo de diversas formas, inclusive a cadeia do milho. A paralisação dos portos responsáveis por mais de 20% das exportações globais de milho é um exemplo claro. O resultado disso é uma baixa de 3,5%, em comparação com a projeção de março.

Exportações brasileiras de milho em abril

O aumento da área plantada e, consequentemente, a maior oferta de milho fizeram com que as projeções de exportação do milho brasileiro chegassem a 34 milhões de toneladas, segundo relatório do USDA: um volume 23,7% superior ao da safra 2020/21.

exportações brasileiras de milho em milhões de toneladas

Acompanhamento mensal: volume do milho exportado pelo Brasil

Em março, tivemos uma forte queda no volume exportado, que chegou a 98,2%, em comparação com o que foi exportado em fevereiro. Essa queda nas exportações é considerada natural e se deve ao fato de a colheita da safra verão estar em fase final, o que gera menor disponibilidade do cereal para a exportação.

exportações brasileiras de milho por mês

Entre os principais compradores do milho brasileiro, não tivemos alterações significativas em relação ao mês anterior, com Irã, Egito e Coreia do Sul no pódio de importadores do nosso milho.

principais compradores do milho brasileiro em 2022

Essas foram as informações sobre as exportações globais e os preços do milho em abril. Acompanhe novas estimativas e informações sobre a cadeia do milho aqui no blog Somos Milhões. Siga a página da Nidera Sementes no Instagram e confira mais conteúdos sobre o agronegócio.

Fonte

Markestrat com base no Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA).

Markestrat com base em USDA. *Atualização em 08/04/2022.

Markestrat com base em Notícias Agrícolas.

Markestrat com base em CEPEA/USP.

Este post tem um comentário

Deixe um comentário